Monday, October 8, 2012

Reclamões

Eu tenho uma paciência de Jó, no geral hehe. Cinco anos trabalhando em loja, definitivamente, me fizeram aperfeiçoar algo que já fazia parte da minha personalidade. Mas se têm uma coisa que minha paciência fica bem pequenina é com idoso rabugento e mal educado (pessoa rabugenta no geral me estressa, mas vejo muito mais idoso rabugento, então vou falar deles).

Situação 1
Fui com a minha vizinha comer um brunch. A maioria dos restaurantes de brunch, por estas bandas, ficam lotados de fim de semana. Como não fizemos reserva, ficamos na fila esperando lugar para sentarmos. Restaurante pequeno, e funciona no estilo first come fisrt served. A fila estava bem grande, e minha vizinha e eu estávamos para o lado de fora da porta.
Pois bem, minha amiga têm uma filhinha (já comentei dela aqui, é a que fico de babá vez ou outra). Ela é uma graça, mas como a maioria das crianças de dois anos, ela não para. Ela conversa o tempo todo, e enquanto estávamos na fila, ela aproveitou para explorar lugares próximo aonde estávamos. Eis que do nada, uma Senhora (S) vira para nós e solta: (google translator ativado rsrs)
S- Vcs sabem que isto é uma fila, né?.
E- (eu e minha vizinha nos entreolhamos) Sim, sabemos.
S- Não parece, a criança não consegue ficar parada...

O que responder para uma pessoa sem o mínimo de noção? Foi o que fizemos, não respondemos nada! Com o mau humor da senhorinha, era capaz da fila virar um barraco rsrsrs   


Situação 2
A maioria das portas de comércio, na Terra do Tio Sam, tem um disposito que vc pressiona para que a porta se abra automaticamente.

Estava eu, entrando bonitinho no prédio onde trabalho, quando um senhor foi se aproximando. Meu tempo é bem apertado (gasto cada segundo que posso na cama) então eu não tinha tempo de ficar segurando a porta para ele, o que eu fiz? Apertei o botãozinho para manter a porta aberta. Estou apertando o segundo botão (são duas portas) quando o senhorzinho solta bem alto "Vejo que vc gosta de trabalhar bastante para abrir a porta para vc mesma toda manhã".
Minha gente, foi um comentário de uma ironia tão desnecessária que não consegui ficar quieta não hehehe Respirei fundo para não soltar um f* e disse "Desta forma, eu consigo ser educada e manter a porta aberta para o senhor e não me atrazar para o meu trabalho. Tenha um bom dia!"

Eu lá, exercendo a educação que minha mãe me deu e ainda tenho que escutar essa?! Eu sou super pró a respeitar os idosos e tudo mais, mas tem idoso que acha que pq é idoso, tem o direito de ser reclamão, rabugento e mal educado!! Me irrita rsrs

12 comments:

  1. Na situação 1 eu teria dado risada muito alto e dito "opa, vai la falar pra criança não furar a fila então, minha tia!"

    E na situação 2 eu teria dito algo como "não enche o meu saco, logo de manha!"

    Porque eu não tenho a menor paciência com ninguém!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Adorei sua idéia!!! Pois claro... criança de 2 anos entende e aceita que a mãe e a amiga querem e precisam ficar na fila para comer... hahaha tem muita gente sem noção por aí!

      Delete
    2. hahahaha Luana, o mais interessante de tudo é que eu consigo visualizar vc respondendo rsrsrs Eu tenho mta paciência mesmo. O pior é que com esta paciência toda eu já me enfiei em cada briga... A galera surta qndo vc mantêm a calma e a compostura rsrs Bjss

      Nadja, parece que o povo não conhece criança rsrs O pior de tudo é que só a menina de 2 anos não estava na fila, eu e a minha vizinha estávamos... Fala se a senhorinha não queria apenas arrumar encrenca?!Bjss

      Delete
  2. Nossa, que velhinhos chatos! Eu sempre digo que as pessoas exageram quando falam que todo velhinho é "bonitinho", "bonzinho', esquecendo que todo velhinho bonitinho foi um jovem um dia e talvez um jovem bem chato, bandido, gente ruim. Vai saber? Por isso que eu tento tratar as pessoas com educação, não importando a idade delas. E idosos não merecem mais meu respeito do que qualquer ser humano de qualquer outra idade. Esse velho aí do segundo exemplo irritou até a mim. Gostei da sua resposta.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Eli, este é o problema de generalizar! Até serial killer envelhece né? Infelizmente, tem muito idoso amargurado. Eles culpam o mundo pelas frustrações deles, e tem também os que acham que tem o direito de falar o que querem... Minha paciência acaba rsrs Bjss

      Delete
  3. Eu tambem odeio gente rabugenta, e amei suas respostas, porque ignorar e um tipo de resposta. Esses velhinhos sao fogo mesmo, no outro dia no mercado o velho tava gritando com o atendente da peixaria porque ele tava demorando muito pra atender ele, eu fiquei revoltada porque tinha uma fila de 5 pessoas e 1 unico atendente, ou seja, ele nao tava a toa ele tava trabalhando e muito. Acho inadmissivel esses idosos que acham porque sao mais velhos tem o direito de destratar os outros ou ser grossos, em geral nao poupo eles de resposta nao, me encheu toma uma resposta bem malcriada de volta, ou quando nao to a fim ignoro mesmo.
    Beijinhos

    ReplyDelete
    Replies
    1. Monique, que coisa mais chata deste velhinho no mercado... É duro, pq mto idoso acha que o mundo agora precisa estar aos pés deles pq são idosos. Sinceramente, no Brasil vejo fila preferencial e tudo mais... Aqui não vejo... E nem vejo a galera sendo toda polite para idoso não, tanto que as vezes admito que fico com dó, mas tem velhinho que merece. Bjss

      Delete
  4. ai que saco escrevi um comentario enorme e a paginda sumiu. Haha
    Vou tentar lembrar o que escrevi.
    Eu entendo perfeitamente, ja passei por situacoes parecidas em Tucson, no Arizona, quando trabalhava no IHOP. Arizona no geral tem muitos idosos, sao os chamados snow birds. Que moram em estados mais frios mas mantem uma casa no Arizona onde passam os invernos. E olha, tem cada idoso ruim, do estilo desses ai que voce experienciou. Mas sabe qual a melhor coisa a fazer? O que voce fez na segunda situacao, e o que meu gerente costumava nos dizer no servico: "kill them with kindness" que nada mais eh do que nosso ditado brasileiro: "tapa com luvas de pelica" sabe? Pois eh, sendo educada voce faz ele se doer muito mais do que se voce tivesse sido grossa. Adorei sua resposta. A primeira, eu acho que tb teria ignorado. Porque nessa dai nao tinha como eu ser educada com ela hahah. Voce fez bem.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Nani, quando trabalhamos com público, muitas vezes, lidar com idoso se torna uma rotina né? Marido sempre faz piada que até quando quero ser grossa sou educada, só com ele que eu sei ser grossa de verdade rsrs Acho que foram os muitos anos de loja rsrsrs Bjss

      Delete
    2. hahahahaahah Aline, eh bem assim mesmo. Soh com Bryan que perco a paciencia. Mas com o resto do mundo eu sou super zen. Se bem que umas semanas atras eu explodi com duas pessoas que conheco, cortei relacoes totalmente. Mas eu tivo motivos. No geral sou muito paciente. Olha, tem que ser algo muito grave pra me fazer perder a razao. Acho que eh isso que voce falou, os anos trabalhando em loja, no meu caso, restaurante.

      Delete
  5. Ah, aliás... eu já me intrometi na conversa de cima. Mas vim dizer que curti demais seu blog, lindo! Divertidissimo!

    beijoooos e boa sorte... desejo menos pessoas rabugentas ao seu redor!

    ReplyDelete
    Replies
    1. hahaha Mto obrigada, Nadja!! Volte sempre :) Bjss

      Delete