Friday, March 14, 2014

Na minha opinião (3)

    Não falei que ia ser uma série de posts? E que ainda ia me inspirar no post do estrangeiro? rsrsrsrs  

   Então que decidi montar a lista do que eu não gosto no Brasil. Como expliquei antes, algumas generalizações são inveitáveis, mas acredito que há grandes excessões para tudo. No entanto, as coisas que "odeio" são coisas que aconteceram comigo e com os que me cercam com tanta frequência, que elas se tornaram o comum. Além é claro, que existem coisas que particularmente me irritam, mas tenho certeza que não irritam um montão de gente. Vale salientar também, que nasci e cresci na região metropolitana de São Paulo, por isso, minha opinião é pela perspectiva de uma paulista. Sim, eu visitei outras cidades, mas tenho a visão superficial de turista e de leitora de jornais. Outro detalhe importante é que não vou comparar com onde moro hoje. Os meus itens são itens que EU não gosto no Brasil ou no que considero parte da cultura brasileira. Não importa como estas coisas são nos EUA ou no Japão, meu foco é o Brasil.

    Chega de enrolar rsrs
20 Coisas que Eu Odeio no Brasil.

1. O primeiro item tinha que ser a terrível e constante sensação de insegurança no Brasil. Odeio a necessidade de se cercar de muros, cerca elétrica e câmera de vigilância para se sentir relativamente segura dentro de nossa prórpia casa.

2. O trânsito paulista é insuportável e para ajudar, ainda é preciso escutar a sinfonia de buzinas dos milhões de motoqueiros que passam pelos corredores. Quase impossível manter o bom humor. 

3. Em terras tupiniquins, tudo é muito caro. Acho o preço de tudo abusivo.

4. Brasileiro adora falar mal do Brasil, muito mal. Criticar faz parte, mas quando o povo só reclama, até exageram para poder reclamar mais, a coisa fica muito cansativa.

5. O eletismo brasileiro me irrita. Muita gente prefere pagar mais pois isto os diferencia das outras classes sociais. A galera faz questão das diferenças de classes sociais. Feudalismo manda um oi! Ser top é ter babá vestida de branco e usar roupa que custa 3 vezes mais do que deveria custar.

6. No Brasil, falta profissionalismo, principalmente nas pequenas empresas e arranjos comerciais (pedreiros, domésticas, etc.) Patrão acha que faz favor ao contratar e manter empregado; empregado acha que faz favor ao cumprir a tarefa para qual foi contratado.

7. Ser dona de casa é motivo de vergonha e inferiorização no Brasil. Muita gente ainda acredita que quem passa o dia exclusivamente cuidando de uma casa e filhos passa o dia sem fazer nada.

8. Brasileiro (a) ainda é muito machista: se o homem não é o provedor, ele não é homem. Cuidar de casa é coisa de mulher. Cuidar de filhos é responsabilidade da mãe.

9. Casas sem isolamento térmico no Brasil me incomoda muito. Ou você morre de calor ou morre de frio. ODEIO.

10. Utilizar transporte público em São Paulo é entrar em uma terra sem lei. As pessoas são grosseiras, te impurram, xingam e são extremamente irracionais. Um verdadeiro show de horrores.

11. O jeitinho brasileiro, em muitos casos, é motivo de vergonha. Isto por quê, em muitas situações, o jeitinho brasileiro se traduz em levar vantagem à qualquer custo.

12. Odeio rojão mas no Brasil ele é adorado por muitos. Dia de jogode futebol é um dia infernal para mim; os rojões começam de manhã e vão até horas depois que o jogo acabou, ou seja, de madrugada.

13. Muita gente que tem bichinhos de estimação não aprenderam a recolher o número dois dos seus filhos de 4 patas. As calçadas viram um campo minado.

14. A corrupção no Brasil parece cultural e tenho a impressão que muitos a acham justificável. A corrupção brasileira se manifesta em todas as esferas e em todas as classes sociais.

15. No Brasil, a galera tem dificuladade de respeitar o espaço do próximo, não falo exclusivamente do espaço físico. Som alto que atrapalha os vizinhos é corriqueiro. Chamar a polícia é ineficiente, pois o queixoso precisa estar presente e aí gera toda uma nova disputa entre vizinhos.

16. Poucos brasileiros se envolvem politicamente e isto reflete diretamente nos nossos representantes que representam uma minoria específica.

17. Ir em restaurantes, no Brasil, é muito caro. Ir em restaurantes, que não são redes de fast food, é para poucos.

18. No Brasil, quase não se investe no intelecto das pessoas. Programas de estímulo para jovens talentos são quase inexistente. Não valorizamos nosso povo.

19. Esporte, no Brasil, é futebol. Todo o resto é marginalizado. Atletas de outros esportes são ignorados pelos patrocinadores e pela população.

20. O número de animais de rua no Brasil é assustador. Em SP, há grupos enormes de animais de rua em quase todos os cantos, sem contar os outros que vemos atropelados :(.

23 comments:

  1. Pois e Aline...e sabe uma coisas que me incomoda muito no pensamento "latino", o fato de acharem o fim trabalhar como garcom, valet parking, etc..etc...trabalho super comum entre estudantes aqui nos EU para uma ajuda financeira. Comento, mas sei que voce sabe bem..rs!
    Acham degradante.
    Quando morei em Cancun, esse era o pensamento!
    bjks

    ReplyDelete
    Replies
    1. Tati, pior que é verdade, tem mto este pensamento de trabalho inferior. Uma pena né? Acho que trabalhar ajuda a pessoa amadurecer!

      Bjsss

      Delete
  2. Essa sua lista seria super facil a minha, eu odeio essa mentalidade do jeitinho brasileiro, isso e algo que me deixa super triste. Essa mania de querer se dar bem a todo custo. Eu nao tinha reparado mas agora que voce falou essa coisa de pagar mais caro pra mostrar o poder aquisitivo em coisas que nao valem nem metade do preco, isso e tao feio e a galera acha isso lindo. Alias vou ate parar de comentar aqui senao meu comentario vai virar post....rs.
    Beijinhos

    ReplyDelete
    Replies
    1. Monique, eu tbm fico super triste com esta história do jeitinho, n entendo como as pessoas falam de certas atitudes como se fosse algo para se orgulhar!! Pode deixar comentário post rsrsrs adoro ler a visão das outras pessoas ;)

      Bjsss

      Delete
  3. Essa lista poderia ter sido minha, com algumas alterações. Pra mim, o mais irritante é essa necessidade de diferenciar as pessoas pelas classes sociais. É algo que me tira do sério e está presente no cotidiano do brasileiro, da maneira como a patroa se relaciona com a emprega, à forma como ela fala da moça que serve o café no trabalho, do taxista, da manicure. E a falta de segurança e a corrupção porque essas atingem a todos, em maior ou menor medida. Também incluiria o que a Tatiana mencionou no comentário dela, sobre algumas profissões no Brasil serem consideradas degradantes. Se você é de classe média no Brasil (nem tô falando de gente rica) e sua filha está na faculdade, você vai considerar degradante sua filha trabalhar part-time como garçonete para ajudar com os custos da educação e sustento dela. É como se no Brasil só vale a pena trabalhar se você for médico, advogado ou engenheiro. Qualquer coisa menos que isso é humilhante. Odeio isso.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Eli, pois é, temos uma necessidade horripilante de querer diferenciar classes, um saco! Somos mto elitista :(
      Bjsss

      Delete
  4. Concordo com todos os itens, acho até que colocaria BEM mais auhauaha, tem muitas desvantagens quando a gente mora fora e é mais notório. As pessoas que nunca saíram do país até vêem um pouco disso, mas não chega a ser algo gritante pq as pessoas já estão acostumadas. O que eu acho errado.

    Kisu!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Bah, pois é, eu até tenho mais itens rsrsrs mas prometi ficar nos 20 para usar o post do estrangeiro de inspiração rsrsrsrs

      Bjsss

      Delete
  5. Bah,
    infelizmente nunca morei fora do país(só férias de 2 meses) mas não consigo me acostumar com as coisas irritantes não. Dá para sentir que alguns se acostumam mas eu não. Porém não quero cair no erro de só criticar e criticar muito e exagerara. concordo com muitas coisas da lista acima. E esta coisa de classe social também me irrita e faz O Brasil ter tão pouca qualidade de vida para seu povo. Se os salários fossem menos desiguais, muita coisa mudaria.
    Outra coisa que me enoja é o preconceito contra a dona-de-casa,que na verdade mostra tb que são privilegiadas pq quais famílias podem viver com apenas um salário?
    O preconceito racial tb me enoja e irrita, pq ninguém assume que tem mas estou cansada de ver brasileiros reclamando de preconceito no exterior. Quer dizer: até para sentir na pele ás vezes é bom sair do país mas não garanto que quando voltam de férias, todos tenham mais consciência do preconceito racial que têm escondido.

    bjss
    Verônica

    ReplyDelete
    Replies
    1. Obrigada pelo comentário, Verônica! Infelizmente, eu acho que isto é o que falta na população as pessoas pararem de se conformar!! Bjsss

      Delete

  6. Infelizmente nunca morei fora do país(só férias de 2 meses) mas não consigo me acostumar com as coisas irritantes não. Dá para sentir que alguns se acostumam mas eu não. Porém não quero cair no erro de só criticar e criticar muito e exagerara. concordo com muitas coisas da lista acima. E esta coisa de classe social também me irrita e faz O Brasil ter tão pouca qualidade de vida para seu povo. Se os salários fossem menos desiguais, muita coisa mudaria.
    Outra coisa que me enoja é o preconceito contra a dona-de-casa,que na verdade mostra tb que são privilegiadas pq quais famílias podem viver com apenas um salário?
    O preconceito racial tb me enoja e irrita, pq ninguém assume que tem mas estou cansada de ver brasileiros reclamando de preconceito no exterior. Quer dizer: até para sentir na pele ás vezes é bom sair do país mas não garanto que quando voltam de férias, todos tenham mais consciência do preconceito racial que têm escondido.

    bjss

    ReplyDelete
  7. Olá!

    Menina, essa lista poderia ser maior, hein? Kkkkkkkk!

    Digo isso porque sou de Recife, mas já morei em São Paulo, o que me deu uma amplitude de quase todos os quadros das cidades.

    Concordei com cada um dos itens e olha, não é fácil, não! Sempre me surpreendo com estrangeiros que vêm experimentar morar por aqui e não vão mais embora, ou seja, acham que vale mais a pena nesse Brasil do que no lugar dele. E eu, louca pra ter minha vida 'nazoropa', segura e tranquila (acabei de voltar de lá e já estou com crises de saudades...).

    Beijooooos!

    http://caseicomomundo.blogspot.com.br

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oiee, M, pois é rsrsrs com certeza, mas prometi ficar nos 20 itens rsrsrs Bjsss

      Delete
  8. Ai Aline... assino embaixo e adiciono mais uma... me explica por favor esta "cultura da ostentação" que está dominando a cabeça do povo??? Tá certo que muitas pessoas melhroraram de situação financeira e tem melhor poder aquisitivo, mas daí a valorizar ter uma roupa de marca, um carro novo, um celular do último momento - e pagar um absurdo de caro por tudo isto - é uma coisa que não entra na minha cabeça! Enquanto isto os filhos não vão pra escola, não lêem livros, não praticam esportes, não alimentam o intelecto, parece que todo mundo está vivendo numa vitrine - será que é a síndrome do Facebook indo pra vida real?
    O problema é que não vejo as pessoas mais felizes com este tipo de vida, lembro os olhares de muitos parentes quando me viram na última vez que estive no Brasil pois eu não tinha nenhuma roupa de marca, andava de busão e teve alguns que ainda tiveram a coragem de questionar se eu "estava bem" nos EUA já que enquanto eles estavam usando tênis de 1.000 reais... prioridades completamente invertidas. Eu fico com medo do que está acontecendo com o nosso povo, pra ser bem sincera... achei que muitas coisas mudariam quando o "Gigante Acordou" ano passado, mas acho que tomou uma paulada na cabeça tão grande e começou toda aquela baderna nos protestos e justamente porque o povo "não sabe protestar" que tudo acabou terminando em pizza... E eu fico pensando, Senhor e este ano tem eleição... eu tenho esperança de um dia ver um Brasil melhor, mas olha... muita coisa tem que mudar e tem que ser de baixo pra cima.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Eliana, juro que não sei o pq ostentação virou o q virou no Brasil! Tenho exatamente a mesma impressão. Sempre q vou lá, o pessoal acha q virei mão de vaca pq não estou desfilando com nada de marca. As pessoas não se conformam q estou aqui e não tenho nenhuma bolsa MK... nem de bolsa eu gosto rsrsrs Eu juro que não sei onde o Brasil vai parar!! Bjsss

      Delete
    2. Lia, eu tenho um casal de primos que vieram me visitar uma vez. Meu esposo ficou bestas que a minha prima comprou um celular que era o preço do aluguel que pagávamos por mês. Só queriam comprar roupa de marca. Americano Eagle e Aeropostale não era bom o suficiente. Ele ficou tão chocado com o materialismo porque ele sabe que eu nunca fui assim. E sem contar que a mocinha queria que as pessoas que trabalhavam na loja de shopping tivesse todo o tempo do mundo para explicar tudo pra ela.Eu tive que dizer sorri várias vezes, pq ela não entendia que aqui é outra cultura. Realmente essa coisa da ostentação é terrível no Brasil.

      Delete
  9. Nossa Aline, li os ultimos posts agora de uma vez soh. Concordo plenamente com tudo.

    Uma coisa que me deixa com muita raiva eh que os mesmos Brasileiros que criticaram os autores do video e da lista fazem o mesmo com relacao a outros paises, e pior, muitos sem nunca nem terem saido do Brasil.

    Adorei sua lista.
    Beijinho

    ReplyDelete
  10. Nani, pois é, tem um bocado de gente que crítica e xinca sem nem ao certo saber o que está criticando e xingando!

    Mto obrigada! Bjsss

    ReplyDelete
  11. Oi Aline! Nunca estive nos EUA mas muitos dos itens da sua lista confirmam a ideia que eu tenho sobre esse país... e há coisas que para mim, enquanto cidadã, são graves demais. Acho por exemplo um absurdo um país que se diz tão desenvolvido não ter cuidados de saúde universais e a preços razoáveis. Há cidadãos americanos que não vão ao hospital apesar de estarem doentes porque o seguro não cobre a visita nem o tratamento e simplesmente não têm como pagar as coisas... não é aceitável. A questão das férias e da licença de maternidade também são graves. Não conseguiria viver aí, apesar de querer muito visitar o país um dia! Beijos

    ReplyDelete
    Replies
    1. Obrigada pela visita, Joana! Pois é, eu tenho sérios problemas com a falta de sistema de saúde universal, mas a coisa é bem complexa para os americanos. Existe uma grande parte da população que é contra, é complexo. Eu nunca me imaginei morando no EUA, mas aqui estou e admito que aprendi muita coisa que me livrou de certos pré-conceitos que tinha sobre o país. Aprendi a gostar e admirar várias coisas por aqui. Ser humano é super adaptável quando quer, então sei que me adaptaria a outros lugares no mundo, mas admito que há certas conveniências fundamentais por aqui que me convencem a ficar no país. Bjss

      Delete
  12. Menina, acho que comentei o post errado, o meu comentário era para os defeitos dos EUA como você deve ter reparado haha :)

    ReplyDelete
    Replies
    1. hahahahahahaha como é uma sequência, o comentário vale em qqr post rsrsrsrs

      Delete
  13. Aline, vou lendo aos poucos estes posts tá... tô um pouco lenta com a blogosfera por estas semanas, rs...
    "Ir em restaurantes, no Brasil, é muito caro..." Amiga, se você vier a Suíça, você vai ver o que é caro, rs.... bom, mas pelo menos aqui os salários são mais compatíveis.
    Sempre me incomodou o lance da ostentação no Brasil. Lá impera o seguinte: Se você não tem você não é! E ai as pessoas se individam mais e mais pra se manterem em um padrão socialmente aceito.
    E outra, vc citou que brasileiro fala adora falar mal do Brasil. Sim, adoram! Mas vai você (que agora mora fora) comentar alguma coisa... a partir do momento que você não mora mais no Brasil, mesmo sendo BRASILEIRA, parece que você perdeu o direito de criticar e de se indignar! Bjss

    ReplyDelete