Thursday, March 22, 2012

Passou se um ano

Há um pouco mais de um ano fomos obrigados a dizer adeus. Não houve um aviso prévio, não houve uma última conversa com palavras profundas, apenas planos que precisaram ser superados.

Há pouco mais de um ano, sem a mínima pretensão de viajar, em apenas dois dias precisamos lidar com a burocracia de um visto apra o Japão e em pacotar nossas malas.

Uma semana a mais e vc estaria aqui, entre nós, e quem sabe o que poderia ter acontecido. A dor e a saudade são constantes. Ainda me lmebro do primeiro dia que fui te conhecer, ainda me lembro da sua risada, e cada vez que vejo seu filho chorando de saudades sinto uma dor no peito que não consigo traduzir em palavras. Não consigo nem imaginar a dor que ele carrega no peito. Sou limitada, não há nada que posso fazer que na verdade amenize qqr dos sentimentos dele, tento ser forte, pq se a minha saudade é grande, a dele deve ser infinita.

Foram tantos planos que ficaram no se... Me lembro de cada palavra sua a respeito do casamento, me lembro da sua empolgação com sua primeira visita ao Brasil. A passagem já estava comprada, as férias já estavam marcadas... Os planos todos tiveram que ser mudados... Infelizmente, vc não pode estar fisicamente conosco, mas estava em nosso corações, estava em nossa mente, estava em cada minuto que celebramos este dia tão especial sem vc.

Hoje em dia conversamos sobre os seus netos, aqueles que por enquanto estão apenas no futuro, e é impossível não pensar no grande avô que vc teria sido. Todas as vezes seu filho fala desta certeza com lágrimas nos olhos!!!

Enfim, um ano se passou, e estamos vivendo, seu filho está vivendo, e vc está sempre, sempre em nossos corações e orações!!!

Uma das minhas fotos preferidas do grande dia, momento em que marido e sogra tocam o broche com a foto do sogro

9 comments:

  1. Q liiiiiiiindo! Me emocionei, Aline!
    Seu sogro vive nos corações de vcs.
    xoxo

    ReplyDelete
  2. Que lindo seu post. Meus sentimentos, Aline. Perder quem amamos é sempre muito doloroso, mas o que fica são as lembranças boas e o amor, isso o tempo não pode apagar.
    Um beijo com carinho.

    ReplyDelete
  3. Ain que lindo Aline, como voce sabe expressar exatamente a beleza da relacao que tinha com seu sogro. De forma serena e limpida.

    Eh dificil a perda e o seu esposo eh uma pessoa de sorte por te-la a seu lado para superar esse momento.

    Meus pesames!

    ReplyDelete
  4. Meus sentimentos por voce e seu marido. Seu post ficou lindo, a gente sabe o quao duro e perder alguem que amamos tanto, mas nao somos preparados para lidar com a dor da ausencia. Mas as boas lembrancas e o amor que voces tinham por ele e ele por voces nao podem ser apagadas.
    Beijinhos

    ReplyDelete
  5. Forcas pra vc e pro seu maridão.. A saudade nos trás sempre imagens vivas de um passado que já esta morto, mas que dentro de nós será eterno...bjs

    ReplyDelete
  6. Também fiquei emocionada. A dor deles é sempre nossa também.

    ReplyDelete
  7. É... como é difícil nos despedirmos de alguém que não poderemos simplesmente em um feriado programar umas férias e visitar. Saudade é algo que nos dá um nó na garganta tão grande que não conseguimos explicar. Mesmo sabendo que faz parte da vida e ineveitavelmente vamos passar por isso não só uma vez, não conseguimos nos acostumar, nem teria como também, somos seres humanos alimentados pelo carinho , atenção e amor de pessoas queridas, claro que sempre sentiremos falta, nada substitui a ausência de alguém porque cada pessoa é única. Mas que não venhamos a nos cobrir de tristesa afinal de contas isso não é um adeus, apenas um até breve =)


    Bjuuu
    Fica com DEUS =)

    ReplyDelete
  8. A saudade é algo que nunca irá deixar o seu coração, mas a dor da perda aos poucos vai se dissolver em meio às doces lembranças que você tem do seu sogro.
    Que Deus console o seu coração e o do seu marido, eu não passei por uma situação semelhante, mas sei o quanto é difícil perder alguém que amamos demais.

    ReplyDelete
  9. Suas palavras deixaram meu coração apertadinho! :/ Essa alteração de planos forçada machuca horrores. A foto do seu marido com sua sogra consegue passar muita emoção. Imagino como deve ter sido no dia... Um beijo grande para você!

    ReplyDelete